terça-feira, 30 de julho de 2013

Benítez foi uma lenda no México

Chucho Benítez pelo América do México
Não foi só o Equador perdeu um ídolo na última segunda-feira, o México também perdeu um dos maiores talentos da Liga MX, sendo o terceiro maior artilheiro da história de sua seleção nacional de futebol. O jogador Christian Benítez também foi artilheiro do ultimo campeonato mexicano, onde o seu ex-clube, América conseguiu ser campeão.

Benítez morreu no Qatar aos 27 anos, deixou um legado de 24 gols pela equipe que representava o país, um a mais do que o ídolo Álex Aguinaga. Mas também deixou um enorme mistério sobre a origem de seu apelido. Benítez era conhecido como “Chucho”, expressão que pode ser usada em vários sentidos. O mais comum é a palavra funcionar como “cachorro vira-lata”, o que também permite uma série de interpretações.

Há várias explicações para o apelido. Uma delas é que “Chucho” vem de uma entrevista concedida por Benítez sobre o pai, que havia abandonado a família anos antes. O atacante teria dito que preferia se parecer com um cachorro que com o próprio pai.

No México Benítez defendeu o Santos Laguna, onde fez seu nome como um atacante goleador, mas brilhou mesmo no América, onde além da artilharia, conseguiu o título mexicano.

Desenho de Waldo

0 comentários:

Postar um comentário

banner

 
Design by @VitorBrunoMA