segunda-feira, 6 de junho de 2011

México vence El Salvador por goleada



No jogo de estréia da seleção na Copa Oro, o time comandado por Chepo de la Torre venceu El Salvador por 5 a 0, com grande atuação de Andrés Guardado e de Chicharito Hernández, a seleção mexicana conseguiu seus primeiros 3 pontos rumo ao título de "Gigante da CONCACAF". Com esse resultado a seleção Mexicana fica em primeiro lugar no Grupo A empatado com a Costa Rica que venceu Cuba por 5 a 0 também.

E com o time fechado o jogo teve um primeiro tempo monótono sem muitas oportunidades para ambas as equipes. O técnico Chepo de la Torre montou um time bem 'retranqueiro' no primeiro tempo, com poucas alterações em relação ao último jogo. O time foi escalado em um 4-5-1 com;

No segundo tempo a seleção mexicana percebeu que era superior e decidiu atacar, e aos 54 minutos, Gio arrancou pela direita e cruzou rasteira, para Efraín que finalizou de forma bem estranha para abrir o placar em Dallas.


Vendo que o México era superior Chepo finalmente decidiu fazer alterações, e colocou Aldo de Nigris no lugar de Israel Castro, mudando a formação para 4-4-2. E teve resultado aos 58 minutos, quando Aldo recebeu bom lançamento de Guardado, girou e marcou o segundo mexicano na partida. E acordou a torcida mexicana que era maioria absoluta nos EUA.

E o garoto sensação mexicano, Chicharito Hernández não podia deixar de fazer o seu. Aos 60 minutos, após bom cruzamento de Andrés Guardado, Chicharito cabeceou a bola no chão para enganar o goleiro e marcar o terceiro gol mexicano da noite. Acabando com o rival El Salvador em menos de 10 minutos.

O técnico mexicano ficou calmo com o resultado e resolveu colocar o capitão Rafa Márquez que esta se recuperando de uma lesão, no lugar de Giovani dos Santos, para trabalhar melhor a pose de bola, com essa alteração o time melhorou no quesito criação. E aos 63 minutos, Guardado fez outro belo lançamento para Chicharito, que dominou, passou pelo zagueiro em velocidade e marcou o quarto gol Azteca.

Por fim, Chepo resolveu dar uma oportunidade para Ángel Reyna que entrou no lugar de Andrés Guardado, e apesar da seleção mexicana ter diminuído o ritmo, aos 90 minutos, Chicharito invadiu a área e foi derrubado por Marvin González que recebeu o cartão vermelho na mesma hora, e o pênalti foi marcado. A cobrança ficou entre Chicharito e Rafa Márquez, mas o jovem atacante teve personalidade para pegar a bola e bater o pênalti com a categoria de um craque do futebol. de cavadinha no meio do gol o atacante do Manchester United fez seu 'hat-trick' no jogo e o quinto da seleção mexicana.

0 comentários:

Postar um comentário

banner

 
Design by @VitorBrunoMA