sexta-feira, 10 de junho de 2011

Cinco jogadores mexicanos são pegos no doping e estão fora da Copa Oro



Antonio Naelson, Christian Bermúdez, Édgar Dueñas, Francisco Javier Rodriguez e Guillermo Ochoa foram pegos no exame antidoping e deixaram a Copa Oro.

A substancia encontrada é 'clembuterol' e é suspeito de que foi provocada pelo consumo de carne desses jogadores. A CONCACAF já disse que irá abrir uma investigação para o caso que parece ter sido um acidente.

"Aplicaremos as regras correspondentes com muita rapidez, para que tudo fique claro logo", informou Décio de Maria.

Por enquanto os quatro jogadores que atuam no México estão proibidos de jogar futebol profissional até a resolução do caso, já Maza Rodriguez espera uma resposta da federação holandesa que determinará seu castigo.

Décio explicou que o castigo pode ser de até 2 anos de suspensão, e que também pode ser que não haja nenhum castigo, tudo vai depender da investigação.


"As sanções normalmente para esse tipo de violação é a suspensão. Mas o que devemos fazer primeiro é analisar muito bem o caso e somente depois adotar uma suspensão. Como não temos uma solução definitiva, os cinco jogadores estão proibidos de jogar futebol. E como Maza é de outra associação, vamos informar a federação holandesa e ela irá decidir seu castigo". Décio finalizou dizendo que já informaram para a FIFA, a CONCACAF e para os respectivos clubes dos jogadores.

A situação fica difícil para o técnico Chepo de la Torre que agora conta apenas com 17 jogadores no campeonato, tendo apenas dois zagueiros; o capitão Rafa Márquez e Héctor Moreno.

0 comentários:

Postar um comentário

banner

 
Design by @VitorBrunoMA