quarta-feira, 30 de março de 2011

México empata com Venezuela em 1 a 1

Foi um jogo difícil para os mexicanos, uma Venezuela bem montada e defensiva jogou firme e forte. O que não permitiu um show como contra o paraguai. A tática foi a mesma, um 4-4-1-1 mas com alguns nomes diferentes. a escalação do time foi excepcional;

1 Guillermo Ochoa
4 Rafael Márquez (C)
15 Héctor Moreno
16 Efraín Juárez
3 Carlos Salcido
6 Gerardo Torrado
23 Luis Pérez
7 Pablo Barrera
18 Ándres Guardado
10 Giovani dos Santos
14 Javier Hernández
Técnico: José Manuel de la Torre


Mas no primeiro tempo ambos os times foram táticos e clamos, e mesmo com duas boas chances do México com Chicharito o primeiro tempo ficou no 0 a 0.

No segundo tempo o técnico mexicano resolveu fazer alguns experimentos e tirou a base principal dessa seleção. Tirou Rafa márquez, Andrés Guardado e Chicharito Hernández para a entrada de Édgar Duñas, Aldo de Nigris e Carlos Vela. E aos 14 minutos do segundo tempo Aldo de Nigris recebe um bom cruzamento de Giovani Dos Santos e marca de cabeça para o México.


O gol tranquilizou o técnico que efetuou mais trocas; como a saida de Gerardo Torrado, Pablo Barrera e Giovani Dos Santos. Para a entrada de Israel Castro, Antonio Naelson e Néstor Calderón.

O jogo seguiu tranquilo até um escanteio aos 27 minutos do segundo tempo, quando Memo Ochoa falhou e apenas viu Oswaldo Vizcarrondo empatando de cabeça. O que gerou uma nova polemica já que sua ultima falha havia sido contra a Venezuela, e se Ochoa tera um espaço na seleção agora depende apenas de Chepo de la Torre.


0 comentários:

Postar um comentário

banner

 
Design by @VitorBrunoMA